Reprodução/Facebook
Heloísa Helena

A ex-senadora Heloísa Helena (Rede) usou suas redes sociais nesta quarta-feira (10) para explicar as razões pelas quais não comenta o “fenômeno” do BBB21, exibido pela Globo, apesar das muitas mensagens que recebe de internautas pedindo para que ela fale sobre o programa.

“Respeito quem assiste, mas dizer que é ‘essencial’ pra conhecer as tragédias, preconceitos e mierdas da humanidade... assistindo e dando dinheiro pra empresas que vivem dessa manipulação humana?! Me poupe, né?! Até compreendo, que para estudiosos do comportamento humano o tal BBB deva ser um experimento importante, mas disponibilizar algum tempo da minha vida para alimentar esses horrores e financiar quem sobrevive dessa manipulação, jamais!!”, escreveu a ex-senador, no Twitter. 

Heloísa prosseguiu dizendo que “se queremos realmente conhecer tragédias cotidianas, preconceitos malditos e outras terríveis situações extremas da humanidade, basta vivermos sem nos concentrarmos apenas nas mesquinharias do próprio umbigo. Não precisa sentar à frente da TV”. 

Cancelamento

O BBB21 virou febre nacional, mobilizando os telespectadores ainda mais do que ocorria nas edições anteriores, ao trazer à baila um tema recorrente nas redes sociais, o chamado “cancelamento”, quando uma pessoa – famosa ou não – é boicotada em razão de uma atitude ou fala considerada ofensiva ou politicamente incorreta. 

Mostrando ao vivo os efeitos, por vezes devastadores, da cultura do cancelamento em “cancelados”, o BBB21 revelou o outro lado da moeda e provocou, aqui fora, o cancelamento dos “canceladores".